Meus Olhos

" As palavras só têm sentido se nos ajudam a ver o mundo melhor. Aprendemos palavras para melhorar os olhos."
*Rubem Alves*

Olhares Diversos

21 de jul de 2010

Desapego

Tem dor que vira companhia. Olhando de perto, faz tempo que deixou de doer, só tem fama, mas a gente não solta. Quem sabe, pelo receio de não saber o que fazer com o espaço, às vezes grande, que ficará desocupado se ela sair de cena. Vazio é também terreno fértil para novos florescimentos, mas costuma causar um medo inacreditável.

Quando, finalmente, criou coragem e deixou de dar casa, comida e roupa lavada para a tal dor, ela desapareceu.


Ana Jácomo

Um comentário:

Ana Luz disse...

É perfeito esse texto!
A dor, que não é nunca "minha", mas que às vezes vem de visita sem anunciar, decide dormir na sala do meu coração...
Mas eu - com toda firmeza que a vida me ensinou - abro portas e janelas para correr o vento e o sol de novos tempos... e a dor desaparece, porque não suporta tanto frescor e luz na minha casa interior.
É simples assim.
Ela parte assustada. E eu permaneço, destemida.

Luiza Voigt